Eu e Zé Celso Martinez Correa

Conheci o José Celso Martinez Corrêa em Santo André,
Foi no aniversário de cinquenta anos do golpe militar. Ele é mágico, quando ele se levantava – em geral os convidados falavam sentados – dominava o público. Era uma loucura, ele abordava todos os assuntos possíveis. Ele comentou sobre o período em que passou em Portugal, ele pegou a revolução dos cravos, que faria 40 anos vinte e quatro dias depois daquele. Ele disse que estavam tentando convencê-lo de escrever sobre o momento, que ele tacha como o único caso de democracia direta que já viu.
No final ele ficou no palco para tirar foto. Alguns tentaram subir para falar com ele, fui mais rápido. Pulei, conversamos sobre a revolução dos cravos e ele me disse que também fez um filme sobre o período. Quando ele foi tirar foto pensei em me distanciar, mas ele me puxou, alegando de que faltavam negros e se deveria cumprir a cota. Apareci na foto oficial do evento ao lado do Zé Celso.

 Pedro Possebon, 8 de outubro de 2016, Santo André
Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s